domingo, 25 de novembro de 2012

Breviário de Visões Noturnas // Breviary of Nightly Visions

Observando-o agora posso ver seus planos.
Quase consigo ouvir o som de suas conexões nervosas trabalhando em prol de seu futuro.
Sinto, igualmente, sua insegurança. Percebo o tremor de suas emoções. No entanto, não é algo que o para ou o neutraliza. É algo que dá ainda mais força.
Seus desejos, seus sonhos num cenário completo de ânsia e esforço.
Ele imagina tudo, consigo visualizar junto com ele.
É maior do que ele, o estar no futuro.
Um futuro intenso. Realizando-se.
Seguindo. Movendo-se.
E percebendo que o futuro depende dele e do que planta hoje.

...


Looking at him now I can see his plans.
I can almost hear the sound of his nerve connections working towards his future.
I can also feel his insecurity. I feel the trembling of his emotions. However, it is not something that stops or neutralizes him. It's something that gives him even more strength.
His wishes, His dreams in a setting full of eagerness and effort.
He imagines all, I can view it with him.
It's bigger than him, to be in the future.
A future intense. Accomplishing itself.
Following ahead. Moving.
And realizing that the future depends on him and on what he plants today.

Nenhum comentário: