quinta-feira, 6 de setembro de 2012

O mais importante/ The most important thing


Certa feita, perguntei a um grande mestre o que é mais importante: ter ou fazer?
Ele me disse que o fazer me faz ter, mas que ao questioná-lo dessa forma eu perdia o cerne do que eu deveria realmente saber.
Perguntei-lhe, então, o que eu estava perdendo.
E ele me ensinou algo que carrego há muito tempo e que tem transformado a minha vida: ser é muito mais importante do que ter ou fazer.
O ser vale o que eu vier a ter ou fazer.
Ele me explicou que sendo o que tenho até pode vir a ser tirado, mas ainda assim eu muito teria e poderia de novo tudo reconquistar.
Disse-me que sendo o meu fazer é transformado pelo que sou e o meu executar é marcado pelas minhas características.
O sábio fez-me querer ser bem mais do que ter ou fazer.
Quero ser melhor. Jamais perder minha essência.
Jamais perder o que nasci para ser.

Para Bruna, por ocasião de seu aniversário.
Para Iasmin, alguém com quem gosto de compartilhar meus textos.
... 
Once I asked to a great master what is the most important: to have or to do?
He told me that do makes me have, but he complemented that asking him like this I was losing the main thing of what I really should know.
So I queried what I was losing.
And he taught me something which I carry with me for a long time and that is transforming my life: to be is much more important than to do or to have anything.
To be worth what I come to have or what I come to do.
He explained that being what I have can even be taken away from me, but nevertheless I would have too much within me and I could conquer everything again.
Being, he said, what I do become different for what I am, and what I execute is marked by my character.
The wise man made me want to be much more than to do or to have.
I want to be better. Never lose what I was born to be.
Never lose my essence.  
To Bruna, because today is her birthday.
To Iasmin, someone with who I really appreciate to share my texts.

4 comentários:

Bruna disse...

AMEEEIII!!!!! Lindo!

Monique Angelo disse...

Ronni, q lindo, não sabia que vc escrevia tão bem, Parabéns!

Ronni disse...

Obrigado, Monique!
Sua opinião é muito importante!

Katelyn disse...

Wow Ronni, you are a good writer. Its kind of inspiring. And the english translation is good too, i can pretty much understand everything you are saying. :)